segunda-feira , 24 de setembro de 2018
Home / Notícias / Bahia / Após acordo entre Prefeitura e TRE, cadastro biométrico em Lauro de Freitas será ampliado
Foto: Edgard Copque
Foto: Edgard Copque

Após acordo entre Prefeitura e TRE, cadastro biométrico em Lauro de Freitas será ampliado

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral-TRE, desembargador José Edivaldo Rocha Rotondano, assinou na Câmara Municipal de Vereadores, convênio com a Prefeitura de Lauro de Freitas para dar celeridade ao cadastramento biométrico. O município, que está em revisão, ainda não exige a biometria, porém 26,31% dos 124.112 mil eleitores já estão cadastrados.

“Esse convênio se firma hoje pelo fato da prefeita Moema Gramacho ser uma pessoa visionária e amante da democracia além da certeza que a comunidade será a maior beneficiada. Tenho orgulho de dizer que a Bahia é o segundo Estado com maior número de eleitores bioemetrizados, o que afasta qualquer dúvida do nosso processo eleitoral que é o mais seguro do mundo. O país está sempre avançando e o conhecimento eleitoral da prefeita Moema nos incentivou a fazer este convênio”, destacou Rotondano.

Foto: Edgard Copque
Foto: Edgard Copque

O convênio, que já está em vigor, vai possibilitar a partir da segunda quinzena de março a ampliação do serviço no município. Atualmente a biometria em Lauro de Freitas só pode ser realizada com agendamento prévio pelo site do TRE. Todas as sextas-feiras, a partir de 12h, são disponibilizadas 496 vagas sempre para a semana seguinte.

Para a prefeita Moema Gramacho é uma honra receber o TRE no município e não haveria melhor espaço para firmar o convênio do que a Casa Legislativa. “A Câmara corrobora na sessão do espaço no momento de selar essa parceria para o exercício da democracia”. Moema chamou a atenção também para o fato de Lauro de Freitas estar caminhando junto com os avanços tecnológicos. “É uma felicidade ver a cidade se modernizando através da biometria, o que aumenta o caráter da lisura, possibilitando um trabalho mais tranquilo nos processos eleitorais”.

De acordo com o TRE a intenção é que o maior de número de eleitores possível faça o recadastramento por demanda espontânea até o dia 8 de maio, período máximo para regularização antes do processo eleitoral deste ano, embora não haja obrigatoriedade vez que o município está em processo de revisão ordinária.

Sobre Redação MBQ NEWS - RB

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *