sábado , 14 de dezembro de 2019
Novidades
Home / Destaque / Base do Vitória ganha tudo em 2017
Foto divulgação: Google
Foto divulgação: Google

Base do Vitória ganha tudo em 2017

Ao contrário do sufoco que o time profissional do Vitória passou no final de ano para se manter na Série “A” do Campeonato Brasileiro, a base rubro-negra teve um ótimo desempenho na temporada. Os meninos da Toca ganharam quatro títulos em 2017. Dois deles foram conquistados na quarta-feira (6), quando o Leão abocanhou as taças do Campeonato Baiano nas categorias sub-15 e sub-17. Os títulos foram conquistados contra o Bahia. A equipe juvenil se sagrou campeã após empate em 0x0, também em Pituaçu. A taça foi garantida no primeiro confronto, quando o Vitória venceu por 1×0, no Barradão. Antes, o Vitória já havia comemorado dois títulos com a categoria sub-20, o de campeão baiano e o da Copa do Nordeste. No estadual, a final foi contra o Atlântico, que utilizou jogadores emprestados pelo próprio Vitória. No regional, a decisão foi contra o Bahia, no dia 27 de novembro. Vale lembrar que a equipe profissional também comemorou o título baiano, em maio, de maneira invicta.

Sobre Móises Bisesti

Móises Bisesti
Apresentador do programa de rádio “Força do Povo”, MOISÉS BISESTI dirigi a equipe de jornalismo da Rádio Cruzeiro, que tem audiência em 75% dos municípios da Bahia. Formado em Economia pela UCSAL, em Direito pela Faculdade do Nordeste e em Rádio e Televisão pela Gama Filho, atua há vinte e cinco anos na área de comunicação social sempre em contato direto com o público e autoridades políticas, médicas e jurídicas. Iniciou sua carreira como repórter da TV Itapoan/ Rede Record, no Telesportes e Lance livre na área de esportes, além do Balanço Geral programa jornalístico. Na TV Band apresentou o Jogo Aberto, também na linha de jornalismo popular, trabalhando como âncora da Band News FM. Defende a liberdade das ideias, a informação da notícia centrada no fato, na busca da verdade mantendo a objetividade e independência com foco na prestação do serviço público. Com uma linguagem moderna, leve e desenvolta conquista pela clareza e objetividade nas informações sem perder de vista a ética e responsabilidade do comunicador.