segunda-feira , 15 de outubro de 2018
Home / Destaque / Intervenção no Rio será interrompida para votar Previdência, diz Temer
Foto divulgação: Google
Foto divulgação: Google

Intervenção no Rio será interrompida para votar Previdência, diz Temer

O presidente Michel Temer afirmou na sexta-feira (16) que irá interromper a intervenção na Segurança Pública do Rio de Janeiro para votar a reforma previdenciária. O presidente, contudo, não estabeleceu um prazo para a apreciação das mudanças na aposentadoria e disse que ela será colocada em votação quando o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), pautá-la. A Constituição não pode sofrer modificações, como seria o caso das mudanças nas regras de aposentadoria, na vigência de intervenção federal, de estado de defesa ou de estado de sítio. Dessa forma, seria necessário suspender, ao menos temporariamente, a intervenção para que a reforma da Previdência, uma PEC (proposta de emenda à Constituição) fosse votada. O discurso inicial do Palácio do Planalto era votá-la de qualquer jeito em fevereiro. A equipe presidencial já reconhece nos bastidores que ela deve ficar para março.

Sobre Redação MBQ NEWS - AB

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *