quinta-feira , 4 de junho de 2020
Novidades
Home / Notícias / Bahia / MEC anuncia implantação de curso de Medicina em quatro municípios baianos
Foto divulgação: Google
Foto divulgação: Google

MEC anuncia implantação de curso de Medicina em quatro municípios baianos

O Ministério da Saúde selecionou na quarta-feira (21), quatro municípios baianos para implantação do curso de graduação em Medicina: Irecê, Porto Seguro, Valença e Brumado. Prefeitos e representantes das secretarias de Saúde dessas cidades estiveram em Brasília para assinatura do termo de compromisso para implantação dos cursos. No total, 28 municípios brasileiros foram contemplados. “O primeiro propósito com a implantação desses novos cursos é preservar a qualidade da formação médica no Brasil”, explicou o ministro da Educação, Mendonça Filho. “Em segundo lugar, vamos gerar mais oportunidade na formação médica em municípios distantes, onde a população muitas vezes não tem acesso a médicos e profissionais ligados à saúde. Expandir e interiorizar a formação médica é fundamental para que a gente possa ter uma boa formação de um lado e mais oportunidades para quem precisa de acesso a saúde de boa qualidade”. A previsão é que a entrega dos cursos seja feita em dezembro deste ano.

Sobre Móises Bisesti

Móises Bisesti
Apresentador do programa de rádio “Força do Povo”, MOISÉS BISESTI dirigi a equipe de jornalismo da Rádio Cruzeiro, que tem audiência em 75% dos municípios da Bahia. Formado em Economia pela UCSAL, em Direito pela Faculdade do Nordeste e em Rádio e Televisão pela Gama Filho, atua há vinte e cinco anos na área de comunicação social sempre em contato direto com o público e autoridades políticas, médicas e jurídicas. Iniciou sua carreira como repórter da TV Itapoan/ Rede Record, no Telesportes e Lance livre na área de esportes, além do Balanço Geral programa jornalístico. Na TV Band apresentou o Jogo Aberto, também na linha de jornalismo popular, trabalhando como âncora da Band News FM. Defende a liberdade das ideias, a informação da notícia centrada no fato, na busca da verdade mantendo a objetividade e independência com foco na prestação do serviço público. Com uma linguagem moderna, leve e desenvolta conquista pela clareza e objetividade nas informações sem perder de vista a ética e responsabilidade do comunicador.