terça-feira , 14 de julho de 2020
Novidades
Home / Notícias / Bahia /  “Perversa política de preços” praticada pelo Governo Federal é a causa da crise
Foto divulgação: Google
Foto divulgação: Google

 “Perversa política de preços” praticada pelo Governo Federal é a causa da crise

Neste sábado (26) foi divulgado um documento, através do qual o Governo Federal autoriza a Petrobras a adotar uma política de preços direcionada “unicamente à obtenção de lucro e ao acúmulo de receitas”. Em carta assinada por Rui Costa e governadores dos estados do Ceará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Sergipe e Minas Gerais, os chefes do executivo estaduais criticaram o teor desse documento.

Os gestores também criticam o repasse dos preços da gasolina e derivados, que acarretam no aumento dos custos de itens que integram a cesta básica da população brasileira. “Perversa política de preços”, classificaram o momento.

Os governadores ainda consideraram “absolutamente inaceitável a tentativa do Governo Federal de transferir para os Estados a responsabilidade pela solução de uma crise que foi provocada pela União, através de uma política de preços de combustíveis absurda, perversa e irresponsável”.

Sobre Móises Bisesti

Móises Bisesti
Apresentador do programa de rádio “Força do Povo”, MOISÉS BISESTI dirigi a equipe de jornalismo da Rádio Cruzeiro, que tem audiência em 75% dos municípios da Bahia. Formado em Economia pela UCSAL, em Direito pela Faculdade do Nordeste e em Rádio e Televisão pela Gama Filho, atua há vinte e cinco anos na área de comunicação social sempre em contato direto com o público e autoridades políticas, médicas e jurídicas. Iniciou sua carreira como repórter da TV Itapoan/ Rede Record, no Telesportes e Lance livre na área de esportes, além do Balanço Geral programa jornalístico. Na TV Band apresentou o Jogo Aberto, também na linha de jornalismo popular, trabalhando como âncora da Band News FM. Defende a liberdade das ideias, a informação da notícia centrada no fato, na busca da verdade mantendo a objetividade e independência com foco na prestação do serviço público. Com uma linguagem moderna, leve e desenvolta conquista pela clareza e objetividade nas informações sem perder de vista a ética e responsabilidade do comunicador.