segunda-feira , 22 de outubro de 2018
Novidades
Home / Notícias / Entretenimento / Ponto de Cultura Dialogações promove seminário “Terreiros, Direito à Cidade e ao Meio Ambiente”
Foto: Secult/BA
Foto: Secult/BA

Ponto de Cultura Dialogações promove seminário “Terreiros, Direito à Cidade e ao Meio Ambiente”

O Ponto de Cultura Dialogações, na série de atividades Agroecologia no Terreiro, realiza o Seminário “Terreiros, Direito à Cidade e ao Meio Ambiente”, no dia 16 de junho (sábado), no terreiro Mutalambô Ye Kaiongo, em Cajazeiras 11, no município de Salvador.

A comunidade do terreiro Mutalambô Ye Kaiongo, o Coletivo Organismo e participantes das oficinas promovidas ao longo da série de atividades Agroecologia no Terreiro, realizadas pelo Ponto de Cultura de Dialogações, formularam coletivamente a percepção de que as áreas de terreiro e seus territórios de extrativismo urbano, que têm historicamente abrigado e alimentado muitas espécies da fauna e da flora soteropolitana, estão hoje sob forte ameaça. A especulação imobiliária, um modelo de turismo e de entretenimento predatórios, gestões públicas autoritárias, o crime organizado e a intolerância religiosa avançam sobre esses territórios de uso sagrado, comprometendo não só atividades agroextrativistas e religiosas, mas também o ecossistema e a diversidade biológica e sociocultural associadas aos terreiros. Diante dos desafios apresentados por essa complexa conjuntura, fazemos este chamado para o seminário, com o intuito de pensar estratégias e apoiar a luta pelo direito aos territórios e pela preservação das áreas verdes e dos corpos hídricos urbanos.

O Ponto de Cultura Dialogações é uma parceria entre o Coletivo Organismo e a Secretaria de Cultura do Estado da Bahia e tem como objetivo apoiar a formação e articulação do terreiro na sua luta por direitos e sustentabilidade e estimular a troca de conhecimentos entre comunidades tradicionais, instituições de ensino, sociedade civil e estado.

Sobre a série Agroecologia no Terreiro – As atividades promovidas pelo O Ponto de Cultura Dialogações, na série de atividades Agroecologia no Terreiro, se dividem em dois eixos: Agroecologia e sustentabilidade, ministradas pelo Coletivo Organismo; Cultura e saberes de terreiro, ministradas por pessoas do terreiro.

Durante as oficinas do eixo agroecologia foram propostas coletivamente e implantadas as seguintes metas/sonhos de sustentabilidade para o terreiro: composteira, minhocário, horta agroecológica, sistema de captação da água da chuva e irrigação.

As atividades do eixo de cultura propiciaram espaços de troca entre o terreiro, as comunidades vizinhas, organizações sociais diversas sobre temas como religiosidade, racismo, saúde, gênero, vida comunitária, direito a cidade, história de resistência dos terreiros urbanos, relação entre terreiros e preservação ambiental da cidade. Durante as oficinas, além de aprender os fundamentos, história e princípios da cultura do terreiro, houve também a troca de saberes, vivências e práticas de cura, culinária, trabalho comunitário, vida familiar, organização social.

Interessados devem entrar em contato com aionsereno.organismo@gmail.com para maiores informações e caronas solidárias. É indicado que os participantes usem cores claras e roupas compridas.

Das nove oficinas planejadas para ocorrerem em 2018, sete de já foram realizadas.

Sobre Redação MBQ NEWS - RB

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *