segunda-feira , 6 de julho de 2020
Novidades
Home / Notícias / Bahia / População comemora inauguração da Cozinha Comunitária de Itinga
Fotos Edgard Copque e Lucas Lins
Fotos Edgard Copque e Lucas Lins

População comemora inauguração da Cozinha Comunitária de Itinga

Inaugurada na terça-feira (27), a Cozinha Comunitária de Itinga, foi motivo de comemoração da população de Lauro de Freitas. O equipamento foi construído na segunda gestão da prefeita Moema Gramacho e entregue equipado ao seu sucessor, em 2012. Abandonado, nunca funcionou.

Diante de lideranças locais, moradores, secretários e parlamentares, a prefeita Moema Gramacho fez uma retrospectiva de todo o processo que envolveu a construção do equipamento. “Cada vez que eu passava em frente à cozinha e via a situação de abandono eu me entristecia. Estou muito feliz em entregar esse equipamento que é tão importante para oferecer à população uma alimentação de qualidade e com um custo simbólico. Era pra estar funcionando desde 2013, mas agora chegou e ela é do povo”.

Fotos Edgard Copque e Lucas Lins
Fotos Edgard Copque e Lucas Lins

A inauguração foi aberta pela Fanfarra Juvenil Lagoa dos Patos e pela Banda de Música da Base Aérea. Debaixo dos toldos armados em frente ao equipamento, mães com filhos pequenos, trabalhadores, idosos e jovens acompanhavam a inauguração e aguardavam para participar do primeiro almoço. “Nem estava acreditando mais que isso fosse funcionar. Acompanhei tudo, do dia que a prefeita entregou prontinha, e depois o sumiço dos aparelhos, das portas, tudo sucateado, acabado. Ver agora recuperado é muito  bom”, relatou a aposentada Dinalva Santos. Titular da Secretaria de Desenvolvimento Social e Cidadania-SEMDEASC, Huldaci Santana ressaltou a luta para recuperar e equipar o imóvel, e o que pode significar na melhoria da qualidade de vida da comunidade. “Este é um equipamento de segurança alimentar e nutricional construído pela prefeita Moema que vai promover inclusão e saúde, e se destina principalmente a pessoas em situação de vulnerabilidade”. A SEMDESC é responsável pela gestão da cozinha através do Desam-Departamento de Segurança Alimentar.

Além da Cozinha Comunitária da Itinga, funcionam em Lauro de Freitas outros equipamentos, como o Restaurante Popular e o Banco de Alimentos de Portão, que fazem parte do Sistema de Segurança Alimentar e Nutricional, programa criado pelo presidente Luís Inácio Lula da Silva e que teve sequência na administração da presidenta Dilma Rousseff, como lembrou o secretário de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS), Carlos Martins.

A Cozinha Comunitária fica localizada ao lado de um dos primeiros conjuntos habitacionais construídos e entregues na primeira gestão da prefeita Moema Gramacho – o Leila Diniz – com 313 unidades. A cozinha de Itinga vai funcionar de segunda a sexta-feira. Com um cardápio variado, serão servidas 200 refeições a R$2,00 no almoço, das 12h às 13h, e 200 sopas a R$1,00, das 16h às 18h.  Além das refeições a cozinha vai realizar ações de educação alimentar e nutricional, de inclusão produtiva e de geração de renda.

Sobre Móises Bisesti

Móises Bisesti
Apresentador do programa de rádio “Força do Povo”, MOISÉS BISESTI dirigi a equipe de jornalismo da Rádio Cruzeiro, que tem audiência em 75% dos municípios da Bahia. Formado em Economia pela UCSAL, em Direito pela Faculdade do Nordeste e em Rádio e Televisão pela Gama Filho, atua há vinte e cinco anos na área de comunicação social sempre em contato direto com o público e autoridades políticas, médicas e jurídicas. Iniciou sua carreira como repórter da TV Itapoan/ Rede Record, no Telesportes e Lance livre na área de esportes, além do Balanço Geral programa jornalístico. Na TV Band apresentou o Jogo Aberto, também na linha de jornalismo popular, trabalhando como âncora da Band News FM. Defende a liberdade das ideias, a informação da notícia centrada no fato, na busca da verdade mantendo a objetividade e independência com foco na prestação do serviço público. Com uma linguagem moderna, leve e desenvolta conquista pela clareza e objetividade nas informações sem perder de vista a ética e responsabilidade do comunicador.