domingo , 18 de novembro de 2018
Home / Notícias / Bahia / Procon notifica Vinci após apagão no Aeroporto de Salvador; 23 voos afetados
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Procon notifica Vinci após apagão no Aeroporto de Salvador; 23 voos afetados

A concessionária Vinci, responsável pela administração do Aeroporto Internacional de Salvador, foi notificada pela Superintendência de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-BA) depois do apagão no terminal na madrugada desta segunda-feira (15) – o local ficou por mais de quatro horas sem energia. A medida foi anunciada durante a tarde de hoje.

Em nota, o Procon informou que o objetivo da notificação é para que a empresa investigue os problemas relacionados à falta de energia elétrica ocorrida durante a madrugada, tendo como consequência atrasos e cancelamento de voos, prejudicando consumidores.

A Vinci terá 10 dias para apresentar os documentos e informações que justifiquem a interrupção do serviço, no entanto, ela ainda poderá ser penalizada.

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) anunciou também que vai apurar os impactos decorrentes de falhas no fornecimento de energia no Aeroporto Internacional de Salvador.

Mesmo que o atraso e o cancelamento de voos no Aeroporto de Salvador tenham sido causados por um problema elétrico, as companhias aéreas podem ser responsabilizadas pelo problema.

Após o apagão, 23 voos com origem ou destino no terminal foram afetados – entre cancelamentos, atrasos e desvios.

De acordo com o diretor de fiscalização do Procon na Bahia, Iratan Vilas Boas, o fornecedor de um serviço deve responder independentemente da existência de culpa. Isso está previsto no Código de Defesa do Consumidor (CDC).

Sobre Redação MBQ NEWS - RB

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *